Programa Coimbra

Em Coimbra, a programação local da Noite Europeia dos Investigadores 2021, coordenada pelo Instituto de Investigação Interdisciplinar da Universidade de Coimbra, contemplará atividades online e locais inspiradas na temática geral Ciência para o Clima. A programação conta com 47 atividades sobre a temática desta edição da NEI alinhada com o Pacto Ecológico Europeu. Haverá também um espaço destinado ao European Corner e 4 atividades de Speed Dating.

E os mini-shows antes da Noite Europeia dos Investigadores serão contagiantes! Serão 2 mini-shows em 10 de setembro e mais 2 em 17 de setembro.

Venha conferir as atividades que irão acontecer na Alta e Baixa de Coimbra.

Entre 16h00 e 23h00 do dia 24 de setembro 2021, junta-te a nós e vem Celebrar a Ciência!


Filtrar 46 atividades:

Escolha pelo menos um filtro.

Não foram encontradas atividades.

ToxiCidade: plantas tóxicas em Coimbra

Come discover the toxic plants that are out there!

Vem descobrir as plantas tóxicas que andam por aí!

Vivemos rodeados de plantas. Sabia que algumas delas são venenosas e que podem até matar? Esta atividade pretende apresentar algumas dessas plantas ao público contribuindo para a diminuição do risco de envenenamentos vegetais graves, especialmente em crianças e animais de companhia.

Público: Todas as idades

Organizado por: CQ – Centro de Química – Coimbra; CFE – Centre for Functional Ecology – Science for People & the Planet

Investigador(a) responsável: Maria Campos e Natacha Perpétuo

No enquadramento do projecto: ToxiCidade Coimbra – Promover a Cultura Científica sobre Plantas Tóxicas para Prevenir os Envenenamentos; As plantas tóxicas entre nós! Promover a literacia científica e a compreensão pública das plantas tóxicas

Área temática: Ciências da Saúde, Ciências Naturais e do Ambiente, Física / Química

Tipo de atividade: Demonstrações

Cogumelos na cidade

Discover and enjoy mushrooms in Coimbra's Botanical Garden!

Descubra e desfrute dos cogumelos no Jardim Botânico da cidade de Coimbra!

Registo de biodiversidade de cogumelos no Jardim Botânico da Universidade de Coimbra.

Público: Todas as idades

Organizado por: Jardim Botânico CFE - Centro de Ecologia Funcional

Investigador(a) responsável: Susana Gonçalves

No enquadramento do projecto: Cogumelos na cidade

Área temática: Ciências Naturais e do Ambiente

Tipo de atividade: Demonstrações

O direito do futuro e o futuro do direito

The Legal Studies of the future and the future of the Legal Studies

Os desafios societais e o Direito

Em formato de debate/entrevista são consideradas diversas questões sociais emergentes enquanto desafios sociais, que, tomadas como pedra angular de reflexão, permitem explorar as (possíveis) respostas do direito. Assim, são abordados, nesta conversa, os desafios impostos pela sociedade técnica (por exemplo, nas áreas da robótica e das neurociências) e aqueles colocados ao ambiente (atendendo a uma ideia de sustentabilidade).

A partir destes desafios exemplares da sociedade pós-moderna, que instam à colocação do problema do papel do direito do futuro, procura-se aferir em que medida o direito poderá, ainda, ter um papel a desempenhar no futuro.

Público: Jovens e Adultos

Organizado por: IJ - Instituto Jurídico

Investigador(a) responsável: Fernando Borges

Área temática: Ciências Sociais e Humanas

Tipo de atividade: Conversas & Controvérsias

Da ditadura à democracia (1958-1962): O processo de transição democrática portuguesa em 30 minutos

From Dictatorship to Democracy (1958-1962): The Portuguese Democratic Transition Process in 30 Minutes

25AprilPTLab

O propósito desta atividade é apresentar a plataforma online criada no âmbito do projeto 25AprilPTLab e convidar o público a participar na pesquisa e selecção de documentos do seu interesse. Esta plataforma é constituída por conteúdos relacionados com a história portuguesa compreendida entre 1958 e 1982.

Público: Todas as idades

Organizado por: CES - Centro de Estudos Sociais

Investigador(a) responsável: Pedro Miguel Jorge Réquio

No enquadramento do projecto: 25AprilPTLab - Laboratório interativo da transição democrática portuguesa

Área temática: Ciências Sociais e Humanas

Tipo de atividade: Conversas & Controvérsias, Jogos, Apps e Desafios

Consegues adivinhar os problemas climáticos associados aos objetos do teu dia-a-dia?

Can you guess the climate issues associated with your everyday objects?

Os objetos do quotidiano e as alterações climáticas

Esta atividade tem como objetivo explorar objetos que são representações de diversas problemáticas conhecidas mundialmente como exemplos de efeitos das alterações climáticas.
Sabias que a sobrepesca nas Filipinas poderá extinguir 59 espécies de peixe? Ou que são precisos 12 milhões de barris de petróleo para produzir sacos de plásticos nos EUA todos os anos? Esta interação com o público vai permitir conciliar a temática SCICLI com o objeto de estudo do nosso laboratório.

Público: Todas as idades

Organizado por: Proaction Lab; CINEICC - Centro de Investigação em Neuropsicologia e Intervenção Cognitivo-Comportamental

Investigador(a) responsável: Daniel Ribeiro

No enquadramento do projecto: ContentMap - Mapping The Mind: Contentotopic mapping: the topographical organization of object knowledge in the brain

Área temática: Ciências Sociais e Humanas

Tipo de atividade: Conversas & Controvérsias, Demonstrações

SUPERA a desigualdade de GendER@UC!

SUPERA gendER inequality@UC!

GendER@UC | SUPERA

Os projetos SUPERA e GendER@UC juntam-se na Noite Europeia da Investigação para sensibilizar a comunidade académica e cidadã sobre a inclusão da dimensão de género em projetos de investigação na UC, assim como sobre a promoção da igualdade de género no âmbito social, laboral, económico e político na cidade de Coimbra e no país. Com a colaboração/participação de projetos e iniciativas desenvolvidos na UC, mostraremos como a desigualdade e estereótipos de género impactam a sociedade no trabalho e na edução (Fronteiras de Vidro), durante a pandemia (Pandemia e Academia em Casa), nas escolhas dos/as nossos/as estudantes (As Raparigas do Código e Mulheres na Engenharia).

Iremos promover dinâmicas e jogos de interação com as/os visitantes, e apresentações dos projetos colaboradores e das iniciativas promotoras (SUPERA e GendER@UC), com o objetivo de transmitir um pouco do conhecimento que produzimos sobre a importância da igualdade de género para o desenvolvimento sustentável da sociedade.

Público: Todas as idades

Organizado por: CES - Centro de Estudos Sociais

Investigador(a) responsável: Pâmela Mossmann de Aguiar

No enquadramento do projecto: SUPERA - Supporting the Promotion of Equality in Research and Academia

Área temática: Ciências Sociais e Humanas

Tipo de atividade: Conversas & Controvérsias, Jogos, Apps e Desafios

Vem e descobre a ecologia dos solos

Come and discover the soil ecology

Revelando as consequências das alterações climáticas no funcionamento do solo em Portugal

Apresentação da investigação a desenvolver nos projetos Underclime e ResinPro. Determinação dos fluxos de gases de efeito de estufa e disponibilidade de nutrientes no solo.
O dia a dia duma ecóloga: trabalho, desafios e equidade.

Público: Todas as idades

Organizado por: CEF - Centre for Functional Ecology - Science for People & the Planet

Investigador(a) responsável: María José Fernández Alonso

No enquadramento do projecto: UNDERCLIME - Unveiling the drivers of greenhouse gases emissions from drylands and their sensitivity to climate change & ResinPro - Understanding resin production in Pinus pinaster to maximize yield in a more sustainable way.

Área temática: Ciências Naturais e do Ambiente

Tipo de atividade: Conversas & Controvérsias, Demonstrações

Observações astronómicas: a diferentes tempos e perspectivas

Astronomical Observations

Observações Astronómicas

Observações astronómicas com telescópios, uso do astrolábio, do quadrante e do anel náutico. Durante o dia, observar-se-ão manchas solares no Sol, caso estejam visíveis, com um telescópio equipado com um filtro solar. Mostrar-se-á como se usava o anel náutico para determinar a altura do Sol. Durante a noite, caso as condições meteorológicas o permitam, observar-se-ão estrelas, constelações, o planeta Júpiter e o planeta Saturno. Mostrar-se-á como se utilizava o astrolábio e o quadrante para determinar a latitude.

Público: Todas as idades

Organizado por: IA - Instituto de Astrofísica e Ciências do Espaço

Investigador(a) responsável: Nuno Peixinho

No enquadramento do projecto: Observações Astronómicas

Área temática: Física / Química

Tipo de atividade: Conversas & Controvérsias, Demonstrações

Vem aprender mais sobre a oliveira!

Learn more about the olive tree

A oliveira é uma das espécies mais cultivadas em Portugal. Queres aprender mais sobre esta árvore e a sua cultura? Esta atividade visa dar a conhecer melhor: as variedades de oliveiras e as suas principais características; os produtos da oliveira (azeitona, azeite e folhas) e a sua utilização; modo de cultura de oliveira (sequeiro, intensiva e super-intensiva) e o seu impacte ecológico.

Público: Todas as idades

Organizado por: CEF - Centre for Functional Ecology - Science for People & the Planet

Investigador(a) responsável: Maria Celeste Dias

Área temática: Ciências Naturais e do Ambiente

Tipo de atividade: Conversas & Controvérsias, Demonstrações

Vem descobrir os nossos mamíferos

Discover our mammals

Os nossos mamíferos

Divulgação de algumas espécies de megafauna que podemos encontrar no nosso país, e do seu comportamento e importância ecológica. Apresentação de materiais dinâmicos, tais como videos.

Público: Todas as idades

Organizado por: CEF - Centre for Functional Ecology - Science for People & the Planet

Investigador(a) responsável: Fernanda Fernandes Garcia

Área temática: Ciências Naturais e do Ambiente

Tipo de atividade: Conversas & Controvérsias, Demonstrações, Vídeos Curtos

O Cérebro Enigmático: seremos capazes de desvendar os seus mistérios?

The Enigmatic Brain: can we unravel its mysteries?

O Cérebro Enig(Cli)mático

No Coimbra Institute for Biomedical Imaging and Translational Research (CIBIT) e no Instituto de Ciências Nucleares Aplicadas à Saúde (ICNAS), todos os dias tentamos desvendar os mistérios do cérebro, através de abordagens multimodais e translacionais. Desde o cérebro do ratinho até ao cérebro humano, exploramos as suas particularidades, nomeadamente nos processos de tomada de decisão em diversos contextos.
Na Noite Europeia dos Investigadores serão desenvolvidas atividades de demonstração para que todos possam participar nesta descoberta:
1. Através de jogos de enigmas e ilusões visuais, dos mais pequenos aos adultos, todos se vão deparar com as partidas que o cérebro nos coloca!
2. Diariamente somos confrontados com diversos dilemas que o nosso cérebro tenta resolver, moldando o nosso comportamento. Nesta estação demonstraremos como a resolução de questões relacionadas com “pequenas decisões do dia-a-dia” podem ter um impacto substancial na saúde do nosso planeta! Iremos abordar o exemplo da atividade de combate a incêndios ilustrando o processo de tomada de decisão do ponto de vista do(a) bombeiro(a).
3. Também no modelo animal, padrões de interação social e tomadas de decisão podem ser exploradas através de técnicas de investigação que vão ser mostradas através de vídeos.
Pretendemos contribuir para um maior conhecimento acerca do funcionamento do cérebro e da investigação que realizamos, ao mesmo tempo que alertamos para o papel ativo que cada cidadão desempenha no contexto das alterações climáticas.

Público: Jovens e Adultos

Organizado por: CIBIT - Coimbra Institute for Biomedical Imaging and Translational Research

Investigador(a) responsável: Inês de Sousa Bernardino

No enquadramento do projecto: STIPED - Transcranial brain stimulation as innovative therapy for chronic pediatric neuropsychiatric disorders; AIMS-2-TRIALS - Autism Innovative Medicine Studies-2-Trials; DECFIRE - Treino da tomada de decisão crítica e gestão do stress pós-traumático em técnicos de combate a incêndios

Área temática: Ciências da Saúde

Tipo de atividade: Conversas & Controvérsias, Demonstrações, Jogos, Apps e Desafios

Os mistérios da cerveja

The mysteries of beer

Esta atividade tem como objetivo mostrar como é que os diferentes processos de fabrico levam a cervejas de diferentes características organolépticas contemplando:
1) quiz para juntar os ingredientes necessários e o passo de fermentação para obter o produto final; e 2) colocação nas mesas do café Santa Cruz peças relativas a cada passo do Fabrico da Cerveja para interagir com os clientes e quem passe sobre o que acontece em cada passo até ao produto final.

Público: Adultos

Organizado por: CIBB - Center for Innovative Biomedicine and Biotechnology (consórcio CNC.iCBR)

Investigador(a) responsável: João Rodrigues

Área temática: Ciências Naturais e do Ambiente

Tipo de atividade: Conversas & Controvérsias, Demonstrações

Envelhecimento saudável: Exercitar para não desperdiçar

Healthy Ageing: Use it or you lose it!

O processo de envelhecimento faz parte da existência humana, mas viver com mais saúde em todas as fases da vida é possível. Os cientistas trabalham para desenvolver soluções para um envelhecimento mais saudável, mas a prevenção de estados de doença, dependência ou fragilidade em idade mais avançada também está nas nossas mãos. A mudança de estilos de vida e a adoção de simples práticas no nosso quotidiano pode fazer a diferença.

Objetivos: Elucidar sobre o que é o Envelhecimento e de que forma se faz sentir no corpo humano. Identificar principais doenças associadas ao envelhecimento. De que forma cada indivíduo pode contribuir para retardar os efeitos do Envelhecimento. Conhecer as novas abordagens da Ciência do Envelhecimento. Compreender a importância da Saúde para a resiliência das populações a alterações ambientais.

Público: Todas as idades

Organizado por: MIA, Portugal

Investigador(a) responsável: Ana Vieira

No enquadramento do projecto: MIA, Portugal - Multidisciplinary Institute of Ageing, Portugal

Área temática: Ciências da Saúde

Tipo de atividade: Conversas & Controvérsias

PAJE – Em busca de Significado

PAJE - In Search of Meaning

Em Busca de Significado - Material psicoeducativo para jovens (ex)acolhidos

Material lúdico psicoeducativo com vista ao desenvolvimento de competências de autonomização para jovens que vivem ou viveram em Casas de Acolhimento.

Público: Jovens e Adultos

Organizado por: CEIS 20 - Centro de Estudos Interdisciplinares do Século XX

Investigador(a) responsável: João Pedro Marceneiro Gaspar

Área temática: Ciências Sociais e Humanas

Tipo de atividade: Conversas & Controvérsias, Demonstrações

RESPIRE – atento aos Investigadores

INSPIRE - listen to the Researchers

RESPIRE - cuide o seu DNA

Projecções e cartazes afixados indicando o malefício do tabaco e meio ambiente poluído no desenvolvimento do cancro do pulmão.

Público: Todas as idades

Organizado por: Institute of Anatomical and Molecular Pathology

Investigador(a) responsável: Lina Carvalho

No enquadramento do projecto: INSPIRE - look after your DNA

Área temática: Ciências da Saúde

Tipo de atividade: Conversas & Controvérsias, Demonstrações, Vídeos Curtos

Ninguém é pequeno demais para fazer a diferença!

No one is too small to make a difference!

A muralha do cérebro

O desafio principal, e que dá o título à atividade proposta, foca-se num jogo, semelhante ao de "air hockey" feito utilizando material reutilizado. Esta atividade irá iniciar com algumas informações para consciencialização sobre o ambiente e poluição ambiental e de que forma é que este fator pode influenciar a barreira hematoencefálica e o nosso cérebro.
O paralelo entre a preservação ambiental e preservação da homeostase cerebral será um conceito chave nesta atividade, assim como a função de proteção da barreira. Assim sendo, neste jogo, o atacante poderá escolher diferentes discos com vários agentes neurotóxicos (dos quais poluentes do ar) e deverá tentar marcar golo (passar a barreira hematoencefálica). O outro jogador deverá focar-se em não deixar que este disco ultrapasse a barreira e chegue ao cérebro, ou seja, deverá defender e expulsar o disco de jogo (marcar golo na outra baliza).
Número máximo de pessoas participantes: 2
Outras atividades interativas:
1. Vídeo de realidade virtual baseado na temática “Como funciona o envelhecimento?”.
Este tipo de atividade promoverá um contacto mais próximo daquilo que acontece no organismo em contexto de envelhecimento.
Número máximo de pessoas participantes: 2
2. Jogo da Memória: “Encontra as imagens iguais”.
Este jogo da memória temático vai focar-se em diferentes áreas científicas, desde envelhecimento, sistema cardiovascular, sistema nervoso, nanopartículas, vesículas extracelulares, etc. fazendo também referência à vacinação contra a covid-19 (consciencialização) de forma simples e educativa.
Número máximo de pessoas participantes: 2
No final dos jogos, as crianças receberão um quantos-queres, com perguntas e respostas salientando a importância da informação e da mudança de comportamentos para que todos contribuam para a saúde ambiental.

Público: Todas as idades

Organizado por: CIBB - Center for Innovative Biomedicine and Biotechnology (consórcio CNC.iCBR)

Investigador(a) responsável: Luís Estronca

No enquadramento do projecto: RESEarch for healThy AGEING - RESETageing e COVIRNA (www.COVIRNA.eu)

Área temática: Ciências da Saúde

Tipo de atividade: Conversas & Controvérsias, Demonstrações, Jogos, Apps e Desafios, Vídeos Curtos

Realidade Virtual e Jogos Sérios na saude e bem estar

Realidade Virtal e Jogos Sérios para a saúde e o desenvolvimento sócio-emocional

A atividade contará com demonstrações de aplicações de realidade virtual desenvolvidas com aplicação à reabilitação vestibular, psico-terapias de exposição e jogos sérios online para o ensino de competências socio-emocionais em crianças em idade escolar. Integrando-se no plano de atividades deste grupo de investigação resultam do desenvolvimento de dissertações de mestrado em Engenharia Eletrotécnica e de Computadores e do projeto "O Eu e o Nós das Emoções" da Academia do Conhecimento da Fundação Calouste Gulbenkian numa parceria entre o Institute de Sistemas e Robótica com a Universidade Portucalense Infante D. Henrique.

Público: Todas as idades

Organizado por: ISR Coimbra - Instituto de Sistemas e Robótica

Investigador(a) responsável: Paulo Menezes

No enquadramento do projecto: IS3L - Laboratório de Sistemas Imersivos e Estimuação Sensorial

Área temática: Tecnologias

Tipo de atividade: Conversas & Controvérsias, Demonstrações

Das plantas medicinais ao tratamento da NAFLD: como pode o clima influenciar?

From medicinal plants to NAFLD treatment: how can climate influence?

Iremos ter demonstração das várias fases de como se elabora um herbário de plantas medicinais e iremos explicar o seu objectivo. Cada visitante terá possibilidade de montar uma planta, de a identificar e de a levar para casa. Os visitantes poderão sentir o aroma de um óleo essencial e poderão observar à lupa as estruturas secretoras que são responsáveis por produzir o óleo que confere o aroma às plantas aromáticas. Iremos ter também uma atividade explicativa do que é a doença do fígado gordo não alcoólico (NAFLD) e as pessoas terão oportunidade de observar ao microscópio culturas de hepatócitos (células do fígado) e células fixadas. Iremos ter ofertas para os participantes mais empenhados. Por trás do espaço, teremos roll-ups explicativos do projeto e das atividades.

Público: Todas as idades

Organizado por: CIBB - Center for Innovative Biomedicine and Biotechnology (consórcio CNC.iCBR)

Investigador(a) responsável: Célia Margarida dos Santos Cabral

No enquadramento do projecto: CoaMedPlants - Preservation of natural and cultural heritage and scientific validation of practices with medicinal plants from Côa Valley

Área temática: Ciências da Saúde

Tipo de atividade: Conversas & Controvérsias, Demonstrações

O sistema nervoso num planeta em aquecimento

The nervous system in a warming world

Impacto das alterações climáticas no sistema nervoso

O sistema nervoso é uma das principais ferramentas que os seres vivos têm para interagir com o ambiente. O sistema sensorial deteta variações ambientais que são processadas no cérebro, levando a uma resposta comportamental. Cada ser vivo está equipado com o melhor sistema sensorial possível, que evoluiu para medir parâmetros abióticos (por exemplo, temperatura e pH) específicos para o seu ecossistema.
Atualmente, as alterações climáticas estão a introduzir modificações nos padrões climáticos da Terra, o que tem um impacto no desempenho dos sistemas sensoriais e de outros sistemas cognitivos. Se um ser vivo for menos eficaz na interação com o ambiente, isto pode levar a mudanças dramáticas a nível populacional, com consequências para todo o ecossistema.

Actividade (1): O sistema nervoso é muito eficiente na deteção da temperatura, no entanto, pode ser enganado com facilidade. Isto é verdade mesmo para o ser humano. Atividade: Tomar três recipientes/tigelas: a primeira com água fria e gelo, a segunda com água à temperatura ambiente e a terceira com água quente. O participante deve colocar a mão esquerda na tigela com água fria e a direita na tigela de água quente durante alguns minutos (apenas o tempo necessário para o cérebro se adaptar). Depois, o participante deve mergulhar ambas as mãos ao mesmo tempo na bacia do meio com água à temperatura ambiente e deve sentir sensações opostas: quente na mão esquerda, fria na mão direita. Com esta atividade pretendemos mostrar que se pode confundir o sistema sensorial e explicar que, se devido às alterações climáticas, os sistemas sensoriais dos seres vivos se confundirem e estes se comportarem de forma diferente à habitual, a sobrevivência dessa espécie e a saúde de todo o ecossistema poderão estar em perigo.

Atividade (2): Jogo de tabuleiro pequeno e de curta duração baseado na temática. Jogo no qual uma ave tem como objetivo final encontrar alimento e abrigo, tendo que progredir no seu ecossistema. Através da introdução de alterações climáticas e as suas consequências no ecossistema, a capacidade desta ave de avançar e atingir o seu objetivo de alimentação e abrigo, tornam-se mais difíceis.

Actividade (3): Sendo os seres humanos responsáveis pelas alterações climáticas, está também nas nossas mãos combatê-las. No entanto, talvez o nosso cérebro esteja a dificultar esse processo. Uma das capacidades mais marcantes do nosso cérebro chama-se plasticidade, que pode ser descrita como a capacidade do nosso cérebro de mudar, em função do ambiente e dos estímulos. Quanto mais lentas forem estas mudanças, melhor será a adaptação do nosso cérebro. É isto que está a acontecer atualmente com as alterações climáticas: ao não percebermos mudanças subtis no ambiente (por exemplo um aumento médio de temperatura de 0,18ºC por ano não é fácil de detetar sem uma ferramenta específica), isto pode reduzir as nossas capacidades de alterar o nosso comportamento para responder a esta ameaça.
Atividade: Temos dois pads de aquecimento, ambos a aquecer ao mesmo ritmo. Os participantes tocam uma continuamente, e a outra apenas no início e no fim. Com esta atividade pretendemos demonstrar que os seres humanos têm dificuldade em detetar pequenas mudanças, apesar de estas se tornarem significativas com o tempo. Este exercício funcionaria como uma metáfora de como os humanos só se aperceberão da gravidade das alterações climáticas quando for demasiado tarde.

Público: Todas as idades

Organizado por: CIBB - Center for Innovative Biomedicine and Biotechnology (consórcio CNC.iCBR)

Investigador(a) responsável: Raquel Rodrigues

No enquadramento do projecto: Syn2Psy - Synaptic Dysfunction in Neuropsychiatric Disorders

Área temática: Ciências da Saúde, Ciências Naturais e do Ambiente

Tipo de atividade: Conversas & Controvérsias, Demonstrações, Jogos, Apps e Desafios

Num planeta quente, mantém a cabeça fria

In a hot planet, keep your mind cool

Pessoas “cool” num planeta quentíssimo: promover a ciência e a saúde dos cidadãos

Actividade I: Nesta atividade propõe-se que o público conheça as áreas cerebrais que são afetadas em resposta a eventos associados às alterações climáticas, como por exemplo, exposição ao calor, doenças transmitidas por vetores (devido ao aumento das chuvas), neurotoxinas (cianobactérias azul-esverdeadas e dinoflagelados) e doenças neuropsiquiátricas associadas a eventos climatéricos extremos. Um painel interativo com os diferentes elementos que representarão algumas consequências das alterações climáticas poderá ser explorado pela audiência com o objectivo de iluminar a(s) área(s) do cérebro afetada(s);

Atividade II: As alterações climáticas têm um elevado impacto para a saúde ocular, podendo levar à origem de problemas de visão, uma vez que a superfície ocular está diretamente exposta ao meio ambiente. O aumento de radiação UV, da poluição e das condições de ar mais seco à superfície do planeta levam ao aumento da prevalência de alergias oculares, olho seco e catarata. Sendo assim pretendemos mostrar o impacto da perda de visão no normal dia-a-dia das pessoas com atividades práticas para os mais pequenos.

Público: Todas as idades

Organizado por: CIBB - Center for Innovative Biomedicine and Biotechnology (consórcio CNC.iCBR)

Investigador(a) responsável: António Francisco Ambrósio

No enquadramento do projecto: Estudo das alterações vasculares do cérebro associadas ao stress

Área temática: Ciências da Saúde

Tipo de atividade: Conversas & Controvérsias, Demonstrações

Centenas de receitas culinárias do século XVIII e uma questão: como cozinhá-las hoje?

Do manuscrito para a mesa: cozinha de fusão do século XVIII

Centenas de receitas culinárias do início do século XVIII e uma questão: como cozinhá-las seguindo as atuais exigências de alimentação saudável, saborosa e sustentável?
Na Noite Europeia dos Investigadores, convidamos um restaurante local a cozinhar um menu especial construído a partir da reinterpretação de receitas do manuscrito de Francisco Borges Henriques, de 1715, transcrito e publicado pela primeira vez pela equipa do projeto ReSEED em 2020. O desafio já havia sido lançado (2019-2020) aos futuros chefs do Mestrado em Inovação em Artes e Ciências Culinárias da Escola Superior de Hotelaria e Turismo do Estoril (ESHTE) e agora chega à comunidade de Coimbra.
Receitas concebidas quando os alimentos também eram considerados medicamentos, o pão não podia faltar como principal acompanhamento, as especiarias e o vinagre eram essenciais. Uma época em que se estavam a integrar na culinária produtos ainda novos, como tomate, pimento, batata-doce ou coco. Uma cozinha de fusão, que recebia influências e ingredientes que chegavam do vasto Oriente e da desconhecida América. Como cozinhar estas receitas em pleno século XXI?

Público: Todas as idades

Organizado por: CEIS 20 - Centro de Estudos Interdisciplinares do Século XX

Investigador(a) responsável: Caroline Delmazo

No enquadramento do projecto: ReSEED – Rescuing seed’s heritage: engaging in a new framework of agriculture and innovation since the 18th century

Área temática: Ciências Sociais e Humanas

Tipo de atividade: Conversas & Controvérsias, Demonstrações

Ciência & Sustentabilidade

Science & Sustainability

miniBIOQS Amigos do Ambiente

Nesta atividade far-se-ão experiências simples dentro do tema pretendido que envolvem, por exemplo: purificação de água, CO2 libertado para a atmosfera e chuvas ácidas, consumo de oxigénio, reaproveitamento/reciclagem de materiais. Esta atividade integra-se perfeitamente no espirito/lema de “miniBIOQS-Associação Ciência para Todos”, em que todo o material usado é inofensivo e amigo do ambiente, barato e acessível a todos, e os procedimentos são no sentido de minimizar quantidades, reaproveitar, reciclar.

Público: Todas as idades

Organizado por: CQ - Centro de Química - Coimbra

Investigador(a) responsável: Maria Margarida Catalão Almiro e Castro

Área temática: Física / Química

Tipo de atividade: Conversas & Controvérsias, Demonstrações

Um passo em frente no caminho para sistemas de captura e armazenamento de energias limpas

A step further on the path for clean capture and energy storage systems

Energias limpas: Sabes como as capturar e armazenar?

Com esta atividade pretendemos dar a conhecer o projeto INOCleanMat, um projeto centrado no desenvolvimento de novos materiais para captura, armazenamento e posterior utilização de energias limpas. Para tal iremos fazer a demonstração de um pequeno dispositivo, uma ventoinha solar, cujo funcionamento dependerá da capturar da “luz solar” através de células solares sensibilizadas por corantes.
Mostraremos também o funcionamento de um protótipo de uma bateria redox de fluxo, uma promissora forma de armazenamento de energia em forma líquida. A atividade pratica será acompanhada por material audiovisual.

Público: Jovens e Adultos

Organizado por: CQ - Centro de Química - Coimbra

Investigador(a) responsável: Daniela Ribeiro Pinheiro

Área temática: Física / Química

Tipo de atividade: Conversas & Controvérsias, Demonstrações, Vídeos Curtos

Materiais para nós sem descurar o planeta

Materials for us without disregarding the planet

#Materials4Climate – Materiais para o clima

O CEMMPRE - Centro de Engenharia Mecânica Materiais e Processos tem como uma das suas principais atividades o desenvolvimento de novos materiais com o objetivo de melhorar o desempenho e a eficiência energética dos produtos, utilizando processos mais amigos do ambiente. Assim, propomos uma atividade conjunta neste âmbito com duas vertentes diferentes: o desenvolvimento de revestimento e a produção de bioplásticos com amido. No que se refere ao desenvolvimento de filmes finos por pulverização catódica, esta é uma da técnicas utilizadas na produção de novos materiais por forma a melhorar o desempenho e as propriedades superficiais dos materiais.
Assim, estão a ser desenvolvidos vários tipos de revestimentos para um vasto conjunto de aplicações, que vão desde os revestimentos auto-lubrificantes, em que o principal objetivo é a redução ou mesmo eliminação do uso de líquidos lubrificantes que na sua maioria são poluentes e de difícil eliminação, aos revestimentos para aplicações biomédicas com uma funcionalidade antimicrobiana. Para exemplificar o funcionamento do processo de pulverização catódica será disponibilizada uma minicâmara. O processo de pulverização catódico é bastante apelativo uma vez que produz um plasma de cor azul celeste. Serão igualmente apresentadas várias peças antes e depois de revestidas (p.ex. revestimento a ouro). A acompanhar, alguns placards com fotografias dos equipamentos disponíveis para depositar e caracterizar os revestimentos.
O estudo e melhoramento dos processos de produção é também uma preocupação do CEMMPRE. Neste campo os processos de produção aditiva são focados já que possibilitam a produção de componentes com menor desperdício de material e maior eficiência. Assim para a noite dos investigadores será igualmente disponibilizada uma impressora 3 D para exemplificar como este processo funciona. Serão também exibidas peças de vários materiais produzidos por esta técnica.
Ainda sobre o desenvolvimento de materiais mais sustentáveis, pretendemos mostrar alternativas em atualmente estudadas para os plásticos de utilização única, como os tão falados sacos ultraleves e outros. Assim, o objetivo será levar as pessoas na viagem pela produção de materiais à base de amido com potencial para substituírem os plásticos convencionais neste tipo de aplicações.
Inicialmente vamos mostrar o amido em pó, explicando de onde pode ser extraído (batata, milho, etc). Depois, faremos a mistura do amido com o glicerol e a água, mostrando a diferença de comportamento praticamente imediata. Depois, vamos mostrar o que seria expectável obter-se, com uma amostra de TPS produzida no DEQ. Finalmente, discutiremos como o TPS pode depois ser misturado com diferentes polímeros para fazer diversos filmes, apresentando um exemplo prático desenvolvido por uma empresa italiana com nome comercial Mater-bi e, possivelmente, algumas outras amostras do projeto de investigação que decorre.
Para complementar a investigação, é necessário um conjunto vasto de técnicas de caracterização que estão disponíveis no CEMMPRE tais como, Microscopia Eletrónica de Varrimento e Transmissão e equipamentos para caracterização química, mecânica e estrutural. Dado que a grande maioria dos materiais que são desenvolvidos vão estar sujeitos a desgaste, uma vasta gama de equipamentos para a caracterização tribológica também está disponível.

Público: Jovens e Adultos

Organizado por: CEMMPRE-Centro de Engenharia Mecânica, Materiais e Processos

Investigador(a) responsável: Manuel António Peralta Evaristo

Área temática: Física / Química

Tipo de atividade: Conversas & Controvérsias, Demonstrações

As alterações climáticas são reais! E na NEI2021, serão mais reais do que nunca!

Climate change is real! And during ERN2021, there more real than ever!

As Alterações Climáticas em Realidade Virtual

A atividade vai proporcionar aos participantes imergir no mundo das alterações climáticas através da utilização de dispositivos de realidade virtual (RV), disponíveis na Universidade de Coimbra.

Os participantes vão poder ter uma ideia da investigação que é feita em RV, com demonstrações sobre as alterações climáticas. Serão abordadas as potencialidades desta tecnologia e dados a conhecer, de uma forma muito distinta, alguns exemplos da mudança climática que o planeta atravessa.

Público: Todas as idades

Organizado por: Proaction Lab; CINEICC - Centro de Investigação em Neuropsicologia e Intervenção Cognitivo-Comportamental; ISR - Instituto de Sistemas e Robótica de Coimbra

Investigador(a) responsável: Daniel Ribeiro

Área temática: Tecnologias

Tipo de atividade: Conversas & Controvérsias, Demonstrações

Medindo o campo magnético da Terra!

Measuring Earth's magnetic field!

Medindo a atividade magnética em Coimbra

O ponto central desta atividade é um dos magnetómetros do Observatório Geofísico e Astronómico da Universidade de Coimbra (OGAUC), o qual iremos apresentar. Este instrumento será o ponto de partida para uma conversa sobre os princípios de funcionamento de alguns magnetómetros.

Seguidamente iremos demonstrar o seu funcionamento, mostrando como alguns objetos afetam as suas medições. Acedendo à internet (spinlab.ogauc.pt) pode ser visto em tempo real as medições do campo geomagnético em Coimbra levadas a cabo pelo OGAUC.

O estudo do campo magnético terrestre (ou Geomagnetismo) é uma componente fundamental da Climatologia Espacial: área da Ciência dedicada às condições variáveis no Sol, meio interplanetário e vizinhança terrestre com impacto na segurança e atividades humanas.

Público: Adultos

Organizado por: CITEUC - Centro de Investigação da Terra e do Espaço da Universidade de Coimbra

Investigador(a) responsável: Fernando Jorge Gutiérrez Pinheiro

No enquadramento do projecto: MAG-GIC - Geomagnetically induced currents in Portugal mainland

Área temática: Ciências Naturais e do Ambiente

Tipo de atividade: Conversas & Controvérsias, Demonstrações

Consegues navegar como uma tartaruga do mar?

How can you navigate like a sea turtle?

Uso do campo magnético para navegar como uma tartaruga do mar

Os cientistas sabem há muito tempo que as tartarugas, tal como muitos animais, navegam no mar “sentindo” as linhas invisíveis do campo magnético, semelhante à forma como os marinheiros usam a latitude e a longitude. Eles são capazes de detetar não apenas a direção, mas também a intensidade do campo magnético sem qualquer ajuda. Ao detetar campos magnéticos naturais ao seu redor, animais como esses são capazes de identificar sua localização e navegar até um lugar familiar, um comportamento chamado orientação magnética.
Nesta atividade, irás ver se consegues navegar como uma tartaruga marinha; irás descobrir fazendo uma tartaruga que pode detetar campos magnéticos, criando o teu próprio mapa magnético e jogando um jogo para encontrar o habitat da tua tartaruga.

Público: Todas as idades

Organizado por: CITEUC - Centro de Investigação da Terra e do Espaço da UC

Investigador(a) responsável: Joana Alves Ribeiro

No enquadramento do projecto: MAG-GIC - Geomagnetically induced currents in Portugal mainland

Área temática: Ciências Naturais e do Ambiente

Tipo de atividade: Conversas & Controvérsias, Demonstrações, Jogos, Apps e Desafios

Experimentar e aprender com energia

Experiment and learn with energy

Medir, simular e compreender

1. Jogo da Energia para a Sustentabilidade - jogo de tabuleiro à escala humana;

2. Experiências de termografia por infravermelhos (IV) - aplicabilidade no reconhecimento de temperaturas superficiais;

3. Prova de esforço em bicicleta de competição – visualização do “atleta” com imagem de IV em tempo real e monitorização da potência desenvolvida;

4. Simulador de partículas

Público: Todas as idades

Organizado por: LAETA - Laboratório Associado de Energia, Transportes e Aeronáutica (ADAI - Associação para o Desenvolvimento da Aerodinâmica Industrial)

Investigador(a) responsável: Manuel Carlos Gameiro da Silva

Área temática: Tecnologias

Tipo de atividade: Conversas & Controvérsias, Demonstrações

Valorização de óleos alimentares usados como matérias-primas na produção de produtos de limpeza

Valorisation of used cooking oils as raw materials to produce cleaning products

Valorização de óleos alimentares usados através de Química Verde e Economia Circular

Usualmente, utilizamos o óleo alimentar no nosso dia-a-dia para fritar batatas, entre outros alimentos. No entanto, os óleos usados não devem ser descartados para o lixo comum como os outros resíduos, como foi hábito durante tantos anos. Uma alternativa é transformá-lo noutros produtos de valor acrescentado, aplicando, deste modo, o paradigma da Economia Circular, que refere: "Se já paguei e utilizei este produto, porque não reaproveitá-lo e transformá-lo num outro produto útil e necessário ao dia-a-dia?"

Nesta atividade, iremos apresentar como é possível transformar o óleo alimentar usado num sabão líquido para as mãos, valorizando deste modo este resíduo. Este processo de transformação será realizado através de uma metodologia desenvolvida pela EcoXperience, que utiliza metodologias amigas do ambiente.

Assim, poderão acompanhar o processo de preparação de um produto que pode ser utilizado no nosso dia-a-dia, e que promove a valorização de um resíduo com uma aplicação prática.

Público: Todas as idades

Organizado por: CQ - Centro de Química - Coimbra

Investigador(a) responsável: Margarida Inês Madeira Esteves

No enquadramento do projecto: EcoX - Reciclagem de gorduras alimentares através da Química Verde

Área temática: Física / Química

Tipo de atividade: Conversas & Controvérsias, Demonstrações

Ossos do Ofício

Bones of the trade

Observação e manuseamento de ossos humanos com vista à identificação do seu perfil biológico – idade e sexo ­– lesões ósseas e patologias do esqueleto humano.

Público: Todas as idades

Organizado por: CIAS - Centro de Investigação em Antropologia e Saúde

Investigador(a) responsável: Daniela Rodrigues

Área temática: Ciências da Saúde, Ciências Sociais e Humanas

Tipo de atividade: Conversas & Controvérsias, Demonstrações

Mais ação climática para sistemas costeiros mais resilientes!

More climate action to more resilient coastal systems!

CoastAdapt XXI: Energizar a ação climática para a promoção de processos participativos da gestão costeira

A atividade CoastAdapt XXI tem como ambição sensibilizar a comunidade para as dinâmicas de erosão e galgamentos costeiros nos sistemas de praias e dunas, os quais têm vindo a intensificarem-se, em parte, devido às influências antrópicas e às alterações climáticas.

Um vídeo curto (> 10 minutos) será desenvolvido e apresentado com os objetivos de:

(1) promover uma melhor compreensão da evolução morfodinâmica da costa portuguesa;

(2) sensibilizar a comunidade para os riscos costeiros, em particular para aqueles relacionados com as alterações climáticas;

(3) ocasionar processos participativos de gestão costeira; e

(4) capacitar os indivíduos para o envolvimento na adaptação às alterações climáticas e seus riscos.

Após a visualização do vídeo, os participantes serão convidados a juntar-se a um debate/Q&A ao vivo com o objetivo de potenciar o envolvimento ativo dos indivíduos na adaptação às alterações climáticas e aos seus impactos nos sistemas costeiros, no qual as seguintes dimensões relacionadas com a gestão costeira serão discutidas: governação costeira, educação, capacitação das comunidades, ação climática, gestão do local, gestão das espécies, e investigação. O vídeo do CoastAdapt XXI será produzido, de modo a ser disponibilizado nas plataformas da NEI (p.ex, YouTube).

Público: Adultos

Organizado por: CES - Centro de Estudos Sociais

Investigador(a) responsável: Neide Luísa Portela Areia

Área temática: Ciências Naturais e do Ambiente, Ciências Sociais e Humanas

Tipo de atividade: Conversas & Controvérsias, Vídeos Curtos

As árvores, além de produzirem o oxigénio que todos respiramos, removem o carbono da atmosfera e fixam-no na madeira, ajudando a combater as alterações climáticas

Trees, besides producing the oxygen we all breathe, remove carbon from the atmosphere and store it in wood, helping fight climate change

As árvores e as florestas são o nosso melhor aliado no combate às alterações climáticas

As árvores são organismos de elevada longevidade que formam um anel de crescimento todos os anos. A formação dos anéis de crescimento depende das condições climáticas, como a temperatura e a precipitação, daí o tamanho dos anéis reflectir as condições climáticas durante a estação de crescimento. Através da análise do tamanho dos anéis de crescimento é possível estudar a resposta climática das árvores e reconstruir o clima do passado, quando não havia registos instrumentais disponíveis. As árvores, além de serem um registo biológico do clima, são um importante reservatório de carbono, removendo o carbono da atmosfera e fixando-o na madeira. Além de prestarem vários serviços de ecossistema, são ainda ecologicamente importantes, sendo parte fundamental da maioria dos ecossistemas terrestres e o lar para várias espécies.

Nesta actividade vamos aprender a identificar anéis de crescimento, a identificar as diferenças entre anos e o seu significado, e ainda analisar como o crescimento das árvores e os anéis de crescimento são afectados pelo clima.

Público: Todas as idades

Organizado por: CEF - Centre for Functional Ecology - Science for People & the Planet

Investigador(a) responsável: Joana Vieira

Área temática: Ciências Naturais e do Ambiente

Tipo de atividade: Conversas & Controvérsias, Demonstrações

Olhares cruzados sobre o território

The various perspectives of how we look at the territory!

As várias perspectivas de como olhamos para o território!

Os/As investigadores/as do CEGOT pretendem partilhar com a população as investigações que desenvolvem, contemplando as seguintes atividades:

16 – 17h: A Geografia da Saúde da População às escalas europeias e nacional: Projetos EURO-HEALTHY e GeoHealthS. Demonstração web das plataformas WebSIG “healthyregionseurope” e “saudemunicipio” e de vídeo sobre saúde e ambiente na cidade de Lisboa
17 – 18h: A abordagem geográfica da saúde à escala local: a Estratégia Municipal de saúde de Coimbra e o Atlas da Saúde da Rede Portuguesa de Municípios Saudáveis. Demonstração através de flyers, livros, etc.
17 – 18h: Plano Intermunicipal de Adaptação às Alterações Climáticas da CIM Região de Coimbra. Demonstração através de cartografia digital.
17h30: Visita Guiada. O regime do Rio Mondego e suas inundações históricas. Duração 30 minutos. João Pardal.
18 – 19h: Território e Saúde em tempos de crise: Projetos SMAILE e MH – CRISIS IMPACT. Demonstração através de flyers, artigos, etc.
18 – 19h: CuLtivare. As fileiras do setor Agroalimentar da Região Centro. Demonstração através cartografia digital.
18 h 30m Visita Guiada. Coimbra – a ver os comboios: chegadas, pernoitas e partidas. Duração 30 minutos. Rui Damasceno Rato.
20– 21h: Os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável nos Municípios da CIM Região de Coimbra: contributo da Geografia na avaliação das iniquidades territoriais. Demonstração através de flyers.
20h 30h: Visita Guiada. O regime do Rio Mondego e suas inundações históricas. Duração 30 minutos. João Pardal.
21 – 23h: O pulsar do clima: secas e ondas de calor em Portugal. Demonstração através de cartografia.
21 – 23h: Plano Intermunicipal de Adaptação às Alterações Climáticas da CIM Região de Coimbra. Demonstração através de cartografia digital.
21h 30m Visita Guiada. Coimbra – a ver os comboios: chegadas, pernoitas e partidas. Duração 30 minutos. Rui Damasceno Rato.

CEGOT KIDS
Em permanência [Menores de 15 anos]
Compreender o clima. Quanto chove no meu quintal? Vamos “medir” o clima.
Nesta atividade as crianças podem contactar com o funcionamento de uma estação meteorológica, e avaliar os efeitos das precipitações intensas no solo, ajudando a compreender o problema da erosão e os efeitos dos extremos de precipitação. Nesta atividade serão ainda explorados alguns conceitos base relacionados com a temática do clima.

Público: Todas as idades

Organizado por: CEGOT - Centro de Estudos de Geografia e Ordenamento do Território

Investigador(a) responsável: Claudete Moreira

Área temática: Ciências Sociais e Humanas

Tipo de atividade: Conversas & Controvérsias

Saber mais para dormir melhor

Learn to sleep better

Jogos para uma noite cheia de sono!

Durante as atividades da Noite Europeia dos Investigadores pretendemos contribuir para o aumento do conhecimento sobre o sono e doenças associadas através da criação e apresentação de jogos educativos focados em curiosidades sobre o sono. Com estas iniciativas pretendemos também sensibilizar a comunidade para a prática de uma boa higiene do sono incentivando bons hábitos de sono e como evitar maus comportamentos que perturbam um sono de qualidade.

Dentro dos jogos educativos iremos apresentar os seguintes: 1) jogo “quantos-queres” para a faixa etária dos 6-12 anos de idade, 2) “Jogo da Glória” e “Sleep Pursuit” sobre o sono para a faixa etária dos 12-18 anos de idade. Para o público adulto iremos fazer, ainda, uma acção de sensibilização sobre as doenças relacionadas com o sono em particular a Síndrome da Apneia Obstrutiva do Sono e Insónia, duas das doenças do sono mais prevalentes, através da distribuição de questionários:

1) STOP-BANG: Avaliação de risco de Síndrome da Apneia Obstrutiva do Sono;

2) Escala de Sonolência de Epworth;

3) Questionário de Pittsburg sobre a Qualidade do Sono;

4) Questionário de Cronótipo de Munique (MCTQ);

5) Índice de Severidade de Insónia.

A acrescentar a estas actividades disponibilizamos duas animações, criadas pela equipa SleepApnea ID e gabinete de comunicação do CNC.

Público: Todas as idades

Organizado por: CIBB - Center for Innovative Biomedicine and Biotechnology (consórcio CNC.iCBR)

Investigador(a) responsável: Ana Rita Álvaro

Área temática: Ciências da Saúde

Tipo de atividade: Conversas & Controvérsias, Demonstrações, Jogos, Apps e Desafios

Da Epiderme da Terra

From the epidermis of the Earth

A terra é um contexto fértil no qual germinam e brotam os bens essenciais à vida. Mas a terra, na camada mais superficial que constitui o seu perfil geológico e sedimentar, é abrigo de vestígios fartos e diversos que nos permitem contar a História maravilhosa do Homem e reportar os gestos que definem o processo cultural que acompanha o seu devir.
A arqueologia é a disciplina que traz à superfície esses testemunhos pretéritos, que os enquadra na História e que os canaliza para o presente.
Alguns desses materiais que a Arqueologia resgata na epiderme da terra, pelas suas características físicas e artísticas, contam histórias que nos espantam, ensinam e apontam a marca dos nossos ancestrais.
Serão mostrados alguns materiais arqueológicos, reis e réplicas e contadas as histórias que os ligam ao mundo.

Público: Todas as idades

Organizado por: CEAACP - Centro de Estudos em Arqueologia, Artes e Ciências do Património

Investigador(a) responsável: Conceição Lopes

Área temática: Arquitetura, Artes e Design, Tecnologias

Tipo de atividade: Conversas & Controvérsias, Demonstrações

Venha conhecer o fascinante mundo das interações planta-polinizador e a sua importância.

Get to known the fascinating world of interactions plant-pollinator and its importance

A polinização e os polinizadores selvagens

Tudo à nossa volta é feito de partículas elementares, unidas por quatro forças fundamentais em partículas mais complexas até aos familiares átomos e moléculas. A física de partículas descreve o mundo do infinitamente pequeno, que a cada passo nos surpreende e fascina. Esta atividade vai trazer o mundo invisível das partículas para perto do público com a ajuda de instrumentos, detetores de partículas, que mostram a passagem de raios cósmicos e a radioatividade natural presente na matéria comum. Com este suporte, os nossos investigadores irão discutir com o público assuntos como as gigantescas experiências do CERN, a Matéria Escura, o bosão de Higgs, e outros mistérios do infinitamente pequeno, em conversas francas e descomplicadas.

 

Público: Todas as idades

Organizado por: CEF - Centre for Functional Ecology - Science for People & the Planet

Investigador(a) responsável: Hugo Gaspar

No enquadramento do projecto: polli.NET - Rede Colaborativa para a Avaliação, Conservação e Valorização dos Polinizadores e da Polinização

Área temática: Ciências Naturais e do Ambiente

Tipo de atividade: Conversas & Controvérsias, Demonstrações

INPACT

INPACT

Apresentação através de materiais audiovisuais (vídeo exemplificativo e poster) do contexto e objectivos do projecto INPACT (Intelligent Platform for Autonomous Collaborative Telerehabilitation).

Público: Adultos

Organizado por: CISUC - Centro de Informática e Sistemas

Investigador(a) responsável: Paula Alexandra Silva

No enquadramento do projecto: "Intelligent Platform for Autonomous Collaborative Telerehabilitation

Área temática: Tecnologias

Tipo de atividade: Conversas & Controvérsias, Demonstrações, Vídeos sobre Projetos

BioEconomia Circular

Circular BioEconomy

A promoção da bioeconomia Portuguesa é feita através da valorização de subprodutos e resíduos, sejam estes florestais, agroalimentares ou da pesca. Nesta atividade serão apresentados trabalhos que promovem a produção de conhecimento e soluções para desafios societais nas áreas industriais, e setores da saúde e alimentação, assegurando práticas amigas do ambiente.

 

Financiamento: FCT: SFRH/BD/145694/2019; SFRH/BD/2020.08213; SFRH/BD/2020.08445; UI/BD/150909/2021

Público: Todas as idades

Organizado por: CIEPQPF - Centro de Investigação em Engenharia dos Processos Químicos e dos Produtos da Floresta

Investigador(a) responsável: Hermínio Sousa

No enquadramento do projecto: 1. Sustainable and dual function polymeric edible films: a probiotic and antioxidant delivery food packaging system; 2. MultiBiorefinery- Multi-purpose strategies for broadband agro-forest and fisheries by-products valorisation: a step forward for a truly integrated biorefinery; 3. WINER- Integrated processes for closing loops in winery industry: value-added compounds, biogas and humified compost; 4. RecyP- Sustainable biofertilizer production for recycling phosphorus from wastewater treatment plants; 5. Patrícia Vieira de Almeida, REFINE- Biorefinery approach for the valorisation of agro-industrial wastes: value-added compounds and biogas; 6. Development of an integrated and sustainable platform for the extraction and production of natural colorants from tomato waste

Área temática: Ciências Naturais e do Ambiente, Física / Química

Tipo de atividade: Conversas & Controvérsias, Demonstrações

Sistema imune: amigo ou inimigo?

Immune system: friend or foe?

Envolvimento da células da imunidade inata na saúde e na doença.

Público: Todas as idades

Organizado por: CIBB - Center for Innovative Biomedicine and Biotechnology (consórcio CNC.iCBR)

Investigador(a) responsável: Maria Teresa Cruz

No enquadramento do projecto: DCs4Cancer - Células dendríticas: vacinas terapêuticas para o cancro

Área temática: Ciências da Saúde

Tipo de atividade: Conversas & Controvérsias, Demonstrações

História analítica das águas que se misturam com o azeite e que se tingem de preto com galhas!

Analytical history of waters mixed with oil and dyed black with galls!

A pegada Hidrológica! Educar através da investigação e da experimentação

Sensibilizar e dar a conhecer através da história analítica das águas, da diversidade aquífera da Península Ibérica. Conhecer a história analítica hidrológica e a importância da botânica no reconhecimento das diferentes propriedades químicas das águas (séc. XVII a IX). Experimentar, reagir, observar, cheirar, visualizar as reações químicas proporcionadas pelas plantas e a química da água.

Público: Todas as idades

Organizado por: Universidade de Lisboa -IST / COI Herbarium da Universidade de Coimbra

Investigador(a) responsável: Carla Sofia Almeida da Rocha , Joaquim Nunes Santos

Área temática: Ciências Naturais e do Ambiente

Tipo de atividade: Conversas & Controvérsias, Demonstrações

Vem conhecer o mundo invisível das partículas!

Come and see the invisible work of particles!

Do CERN ao Espaço

Vem conhecer o mundo invisível das partículas!

 

Público: Todas as idades

Organizado por: LIP - Laboratório de Instrumentação e Física Experimental de Partículas

Investigador(a) responsável: Ricardo Gonçalo

No enquadramento do projecto: LIP - Laboratório de Instrumentação e Física Experimental de Partículas (Laboratório Associado responsável por muitos projetos de investigação)

Área temática: Física / Química

Tipo de atividade: Conversas & Controvérsias, Demonstrações

Água: o bem mais precioso

Do you know the true importance of Water?

Conheces a verdadeira importância da Água?

A utilização consciente e responsável da água é essencial para manter a originalidade do nosso planeta, o único com água nos três estados, e o equilíbrio harmonioso entre as inúmeras espécies de animais, vegetais e minerais que nele coexistem.
Nesta noite vamos ajudar a descobrir a água, através de um conjunto de experiências simples e divertidas: a sua importância, algumas das suas propriedades físicas e químicas e pequenos comportamentos, essenciais, para uma utilização mais racional desta substância tão fundamental nas nossas vidas.

 

Público: Todas as idades

Organizado por: RÓMULO – Centro Ciência Viva da Universidade de Coimbra

Investigador(a) responsável: Carlos Fiolhais

Área temática: Ciências Naturais e do Ambiente

Tipo de atividade: Conversas & Controvérsias, Demonstrações

Sustentágua

Water: the most precious commodity

Água: o bem mais precioso

Nesta atividade serão apresentados trabalhos experimentais que visam o tratamento de água e efluentes contaminados usando diferentes tecnologias baseadas em processos químicos e/ou biológicos que incluem o uso de diferentes adsorventes de base natural e amêijoas. Pretende-se também mostrar que através de métodos computacionais (simulação molecular) se pode prever e compreender os mecanismos envolvidos nos tratamentos referidos.

 

Público: Todas as idades

Organizado por: CIEPQPF - Centro de Investigação em Engenharia dos Processos Químicos e dos Produtos da Floresta

Investigador(a) responsável: Hermínio Sousa

No enquadramento do projecto: 1. SERENA - Development of a Sludge free Fenton integrated treatment methodology for olive mill wastewaters: a water recovery strategy; 2. SAFE - Recuperação de água em adegaS usando oxidAção FotossEnsitizada; 3. PhotoSupCatal – Desenvolvimento de sistemas catalíticos suportados para o tratamento de efluentes por oxidação fotocatalítica; 4. Development of active photocatalysts for the removal of emerging contaminants from water by solar photocatalytic ozonation; 5. Sludge-free Fenton integrated methodology for olive mill wastewater treatment

Área temática: Ciências Naturais e do Ambiente, Física / Química

Tipo de atividade: Conversas & Controvérsias, Demonstrações

Bugalhos: Um condomínio muito animado!

Galls: a condo with lots of entertainment

Desde terras transmontanas até às extensas planícies alentejanas, seja como brinquedos, instrumentos musicais, etc, os bugalhos dos carvalhos estão presentes nas memórias coletivas populares desde tempos imemoriais. De forma simples, os bugalhos são galhas, ou seja, estruturas formadas pelas plantas em reação à picada de um inseto. Mas, nem só os carvalhos apresentam galhas. Há muitas outras espécies de plantas com este tipo de estruturas, as quais, na grande maioria das vezes, passam despercebidas. Há plantas em que as galhas impedem a produção das sementes, ajudando a controlá-las!

Uma observação “esbugalhada” do interior destas estruturas mostra um fantástico ecossistema, onde os formadores de galhas, os parasitóides e os inquilinos interagem entre eles. Acompanhe-nos nesta aventura e venha descobrir quais são algumas das galhas que pode encontrar perto de si e a sua importância!

Horário: 18:45 Público: Todas as idades

Organizado por: CEF - Centre for Functional Ecology - Science for People & the Planet

Investigador(a) responsável: Francisco Alejandro López Núñez

No enquadramento do projecto: INVADER IV: Ferramentas INoVAdoras para Detectar Espécies invasoras e agentes de contRolo biológico

Área temática: Ciências Naturais e do Ambiente

Tipo de atividade: Conversas & Controvérsias, Demonstrações

O papel dos nemátodes parasitas das plantas na agricultura e na floresta

The role of the plant-parasitic nematodes in agriculture and in forest

Os nemátodes fitoparasitas alimentam-se de todas as partes da planta (raízes, caules, folhas, flores, frutos ou tubérculos/bolbos), prejudicando a absorção de água e nutrientes. O declínio das plantas leva a uma diminuição da produção, que pode ser considerável, com um consequente impacto económico elevado. Realça-se ainda a importância ecológica deste grupo de organismos como, por exemplo, serem considerados como indicadores da qualidade do solo.
Nesta atividade, os participantes terão a possibilidade de observar nemátodes parasitas de plantas associados a culturas agrícolas e florestais economicamente importantes, descobrir quais os sintomas, que podem causar nas plantas, e as estratégias sustentáveis para o seu controlo.

Público: Todas as idades

Organizado por: CEF - Centre for Functional Ecology - Science for People & the Planet

Investigador(a) responsável: Isabel Maria de Oliveira Abrantes

No enquadramento do projecto: POINTERS - Host tree-pinewood nematode interactions: searching for sustainable approaches for pine wilt disease management; KnowLuci - The threat of the root-knot nematode Meloidogyne luci: pathogenicity and diagnostics; BioNem Mulch - A new sustainable and integrated system for root-knot nematodes management in tomato crops

Área temática: Ciências Naturais e do Ambiente

Tipo de atividade: Conversas & Controvérsias, Demonstrações

Poderão as plantas inspirar-nos no combate às alterações climáticas?

Can plants inspire us to fight climate change?

Sabemos que temos de adotar medidas urgentes para combater as alterações climáticas e os seus impactos. Como devemos atuar?
Através de demonstrações, jogos e desafios vamos descobrir o que podemos fazer e perceber se podemos contar com a ajuda das plantas!

Público: Todas as idades

Organizado por: Jardim Botânico

Investigador(a) responsável: Joana Cabral Oliveira

Área temática: Ciências Naturais e do Ambiente

Tipo de atividade: Conversas & Controvérsias, Demonstrações, Jogos, Apps e Desafios


Aceda ao mapa (clique aqui) e conheça o local onde decorrerão as atividades.

Aceda a Web App da NEI Coimbra através do QR Code.

Back to Top